TOURO ENFURECIDO MATA UMA PESSOA E DEIXA DUAS FERIDAS NO PARANÁ

11/11/2011 08:35

 

Uma pessoa morreu e outras duas ficaram feridas em um ataque de um touro enfurecido, perto do distrito da Platina, em Santo Antônio da Platina (130 km de Londrina), nesta quinta-feira (10). O proprietário rural, Juventino Abrantes, 61 anos, e sua esposa, Leonina Maria Gomes Abrantes, 59, estavam procurando o animal que havia escapado do sítio.

Em buscas pelo pasto vizinho, o touro foi encontrado, mas se mostrava violento e partiu para cima dos donos. O primeiro a ser atingido foi Juventino, que teve ferimentos graves na face e no tórax. Em pânico com a investida do touro contra o marido, Leonina tentou afastá-lo com um pedaço de pau, mas também foi ferida.

Segudo informações do portal Tanosite, mesmo ferida, a mulher foi procurar ajuda para o esposo e acionar o Corpo de Bombeiros. O vizinho, Sebastião Batista de Almeida, chegou ao local e se dirigia à rodovia para sinalizar o local para os socorristas quando também foi vítima do touro.  Ele ouviu gritos de socorro de Leonina e foi tentar impedir que o animal atacasse novamente Juventino, que estava desacordado, mas na tentativa de ajudar, Almeida acabou sendo a vítima. O golpe foi violento e o homem morreu dentro da ambulância dos socorristas do Siate.

Juventino foi levado ao Hospital Nossa Senhora da Saúde, onde passou por uma cirurgia. Devido à gravidade do caso, ele foi encaminhado para a Santa Casa de Jacarezinho (144 km de Londrina). Leonina também foi encaminhada ao hospital, mas foi liberada ainda nesta quinta-feira (10) com uma fratura na costela.

O touro se chamava Chico e teve que ser sacrificado, após tentar ferir um socorrista do Corpo de Bombeiros. Ele foi atingido por quatro tiros e foi morto pela Força Verde.

A família Abrantes, dona do animal, disse que o caso foi uma fatalidade, pois Chico, como o touro era chamado, nunca tinha sido agressivo.

Touro enfurecido mata um e deixa outros dois feridos - Tanosite

—————

Voltar