MÃE RECEBE AVISO ESPIRITUAL DE ASSASSINATO DO FILHO E NO DIA SEGUINTE ACONTECE

02/12/2011 12:23

 

Um armador de 31 anos estava a 100m de seu patrão quando foi assassinado por volta das 6h40 da manhã desta sexta-feira (02). Leandro Wallace Jarenko levou dois tiros fatais, na rua Antônio Gonçalves Dias, em Pinhais, região metropolitana de Curitiba. Um detalhe no caso é que a mãe do rapaz, Lizete Jarenko, chegou ao local afirmando que, na noite anterior, uma obreira da igreja que frequenta fez uma revelação: “falou que meu filho seria assassinado hoje”, disparou.

Segundo a polícia, Jarenko estava numa bicicleta e seu patrão o esperava para lhe dar carona até o trabalho. “Dois indivíduos em um Honda Bizz verde chegaram disparando contra o rapaz. Um tiro na cabeça e outro no pescoço, o Siate foi acionado, mas ele não resistiu”, relatou à Banda B, o soldado Rogério, do 17° Batalhão da Polícia Militar, que atendeu a ocorrência.

No local do homicídio, a mãe da vítima fez a revelação de que no dia anterior havia recebido um "aviso espiritual". Além dela, vários curiosos acompanharam o trabalho da polícia. A sogra de Jarenko, Zenilda Vidal, contou que a filha dela estava grávida de sete meses. “Era um menino bom, trabalhador”, disse. No entanto, moradores e até o pai contaram à polícia que o assassinado teria envolvimento com o mundo das drogas.

A investigação do caso fica a cargo da Delegacia de Pinhais.

 

—————

Voltar